TWITTER em tempos de Chuva – by Professor Coriolano Camargo

Anteriormente vimos a Clonagem do Blog do então Presidente Lula nos mostrou mais uma face dos fenômenos na rede. Na versão Clone do Blog, (http://planalto.blog.br/) os Internautas podem colocar diversas críticas e anseios da sociedade das mais variadas formas.

Já na versão oficial (http://blog.planalto.gov.br/) foi criado com intuito meramente de caráter institucional e informativa, não existe espaço para postagem de mensagens. É a internet como forma de mobilização social. Fontes na internet revelam que o Planalto, em um primeiro momento, não vai tomar nenhuma atitude em relação à cópia virtual.

A cópia do Blog tem as suas utilidades, aberta a comentários, proporciona a remessa de informações importantes, em tempo real, ao planalto, uma vez que o Governo pode verificar quais são as principais críticas e comentários deixados.

No ano passado pelo Twitter informavam os Cariocas a internautas sobre a localização das blitz na Capital fluminense. Esta semana em tempos de chuva diversos Internautas Paulistanos usam o Twitter para escapar das fortes chuvas evitando pontos de alagamento.

O Twiter por sua característica, virtual e em tempo real, serviu na oportunidade aos Motoristas para escapar da lei seca no Rio. A Polícia deve começar a usar a rede para verificar quais informações estão sendo disponibilizadas em tempo real para alterar os pontos de fiscalização.

A Polícia tem utilizado o Twitter para combater crimes nos EUA. O Microblog serve para dar alertas sobre crimes, dicas e monitorar ocorrências

O uso do microblog Twitter no combate a crimes nos Estados unidos é algo que está se popularizando e vem crescendo. Cidades norte-americanas utilizam a ferramenta para informar a população sobre crimes e até para monitorar possíveis ocorrências.

Em Milwaukee, os policiais utilizam o Twitter para dar avisos, dicas de como evitar assaltos e informar sobre o trânsito e operações das autoridades na cidade. O perfil da polícia de Milwaukee no Twitter tem cerca de 920 seguidores.

Fontes na rede revelam que a polícia de outras cidades, como Boston, Baltimore e Richmond, também aposta no Twitter como ferramenta de informação. Uma das vantagens do Twitter é que as mensagens são enviadas imediatamente, e podem ser lidas em computadores ou dispositivos portáteis.

O Governo norte-americano, em conjunto com a SANS, lança um desafio digital, na busca por jovens talentosos e com competências necessárias para preencher os cargos de profissionais de “cibersegurança”, centros de pesquisas e “anjos” cibernéticos.

Trata-se de uma cadeia multidisciplinar de profissionais para que se possa atingir a maximização dos resultados frente às ondas eletrônicas nocivas.

Barack Obama sabe da importância da Internet. O presidente viveu seus benefícios e seus prejuízos. Obama sabe como ele mesmo reconheceu que ganhou as últimas eleições presidenciais em parte graças à força da rede e ao seu alcance. E o presidente também sabe que a segurança cibernética é suscetível de violação, como aconteceu em sua campanha no outono passado, quando piratas da informática entraram no site do candidato democrata e roubaram informação pertencente ao banco de dados.

De olho no poder cibernético da Coréia do Norte os EUA se preparam para iniciar uma nova guerra, desta vez travada no ciberespaço. Para essa luta, Obama criou o cargo de ciber-segurança com escritório na Casa Branca (ao qual chamou de “cyberczar”).

Continue a leitura direto na fonte:

http://www.itweb.com.br/

Coriolano Camargo
Juiz do Eg. Tribunal de Impostos e Taxas de São Paulo. Presidente da Comissão dos Crimes de Alta Tecnologia da OAB/SP. Coordenador da Especialização em Direito Eletrônico e Inteligência Cibernética da FADISP/ALFA. Atua como professor da pós-graduação da Universidade Presbiteriana Mackenzie e do MBA da EPD e outras. Conselheiro da Federação do Comércio (SP). Professor convidado do Conselho Científico de Conferências de âmbito mundial com apoio e suporte da Diretoria Técnico-Científica do Departamento de Polícia Federal (FBI/USA), Interpol e Departamento de Justiça dos EUA

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s